Do Patrimônio Histórico ao Patrimônio Cultural: diálogos e interações na aplicação das políticas públicas de preservação

Aline Sapiezinkas

Resumo


Resumo: o presente artigo traça um breve histórico do percurso da noção de patrimônio histórico, desde sua origem como conceito ligado aos monumentos na Europa até chegar em sua aplicação mais recente, nas políticas públicas de resgate e preservação do patrimônio cultural no Brasil. Buscando uma perspectiva pluralista, procura mostrar o ponto de vista dos moradores de casas tombadas, adicionando o aspecto de recepção das políticas públicas pelos cidadãos envolvidos no processo.

Palavras-chave: Patrimônio histórico. Patrimônio cultural. Identidade local. Interações sociais

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/hab.v6.1.2008.67-101

Direitos autorais

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


HABITUS | Instituto Goiano de Pré-História e Antropologia | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-7798 | Qualis B2