A Cura pela Fé: um diálogo entre ciência e religião

Valdelene Nunes de Andrade Pereira, Bergta Lúcia Pinheiro Klüppel

Resumo


Este trabalho analisa a influência da religiosidade sobre a saúde de 139 indivíduos hipertensos, acompanhados em uma unidade do Programa Saúde da Família de Pedras de Fogo (PB). Distribuídos em dois grupos de acordo com a freqüência a serviços religiosos, percebeu-se que os mais religiosos evoluíram melhor quanto aos sintomas clínicos. Ademais, relatos apresentados levam à conclusão que a religiosidade é benéfica para a saúde geral das pessoas, podendo ser usada como ferramenta terapêutica complementar, inclusive na abordagem em saúde mental.

Palavras-chave


Saúde; Fé; Religiosidade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/cam.v12i1.3033

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais

Rodapé - Caminhos
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


CAMINHOS | Revista do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciências da Religião da Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-778X | Qualis CAPES Preliminar 2019 = A3

Visitantes - (09/03/2016 - 03/12/2019)

Fonte: Google Analytics.